Sistema Online de Apoio a Congressos do CBCE, VI Congresso Sulbrasileiro de Ciências do Esporte

Tamanho da fonte: 
A CULTURA ESCOLAR DA EDUCAÇÃO FÍSICA NA EJA: ENTRE A RUPTURA COM O CARÁTER DE ATIVIDADE E A FALTA DA EXPERIÊNCIA CORPORAL
Santiago Pich, Mariana Purcote Fontoura

Última alteração: 2012-08-06

Resumo


O presente trabalho é o resultado de uma pesquisa referenciada no campo de estudos da cultura escolar, e aborda a cultura escolar específica da educação física de uma escola de Ensino de Jovens e Adultos (EJA) da cidade de Curitiba – PR. Metodologicamente nos orientamos pelos conceitos e critérios da etnometodologia, o que nos levou a uma longa imersão no campo. Os principais resultados nos mostram a relevância na constituição da identidade docente na configuração da cultura escolar de educação física, bem como que a oferta meramente teórica da disciplina nos coloca frente a um paradoxo: por um lado nos mostra a necessidade de rompermos com uma tradição da Educação Física enquanto “atividade”, mas também revela a necessidade da experiência corporal como substrato necessário para a elaboração teórica.

Palavras-chave


educação física escolar; cultura escolar; educação de jovens e adultos.

Texto completo: anais