Sistema Online de Apoio a Congressos do CBCE, XVII Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte / IV Congresso Internacional de Ciências do Esporte

Tamanho da fonte: 
CONDIÇÕES DE TRABALHO DE CATADORES DE MATERIAIS RECICLÁVEIS NA REGIÃO DO GUARITUBA
Daniela Isabel Kuhn, Daiane Aparecida Vacari, Leandra Ulbricht, Marcia Oliveira Lopes, Vanessa Nadine Gris

Última alteração: 2011-07-10

Resumo


Diante à crescente produção de resíduos nas áreas urbanas surge uma nova classe de trabalhadores, os catadores de materiais recicláveis. Apesar de atender demandas ambientais de preservação através da reciclagem e ter um papel reconhecido perante a sociedade, o trabalho realizado por esta classe de trabalhadores efetua-se em condições precárias, apresentando riscos ocupacionais prejudiciais a saúde destas pessoas. Com o intuito de avaliar essas condições, foi realizado um georeferenciamento para localizar estes trabalhadores e uma entrevista semi-estruturada focando a rotina diária dos trabalhadores, englobando o ambiente de trabalho e as atitudes relacionadas aos riscos à saúde. Foram identificados 56 catadores de material reciclável, na região do Guarituba localizada no Município de Piraquara-PR. De acordo com uma análise quali-quantitativa, identificou-se que a maioria dos catadores era do sexo feminino, com idade média de 40 anos, ensino fundamental incompleto e somente 25% dos trabalhadores estavam vinculados a associações ou cooperativas. Em um primeiro momento, aproximadamente 75% dos entrevistados negaram ter sofrido acidentes relacionados ao trabalho. No entanto, demonstrou-se ao longo das entrevistas que essa não é real situação desses trabalhadores. Buscou-se, através deste diagnóstico, desencadear ações a fim de subsidiar a melhoria das condições de trabalho destes catadores.

Texto completo: ANAIS