Sistema Online de Apoio a Congressos do CBCE, XVII Congresso Brasileiro de Ciências do Esporte / IV Congresso Internacional de Ciências do Esporte

Tamanho da fonte: 
A OLIMPÍADA DE INTEGRAÇÃO DO MUNICÍPIO DE DUQUE DE CAXIAS: CONCEPÇÕES EM JOGO
FÁBIO VIEIRA WANDERMUREM

Última alteração: 2011-09-30

Resumo


De acordo com alguns textos legais, a inclusão mostra-se como um imperativo para os envolvidos na escola. Com o intuito de contribuir no aprofundamento da discussão das teorizações da educação dos alunos com necessidades educacionais especiais, lancei um olhar sobre a Olimpíada de Integração, que foi um evento que trouxe como proposta principal a participação de todos os alunos da rede pública municipal, com necessidades educacionais especiais ou não, nas atividades esportivas e recreativas. Meu objetivo foi trazer à tona algumas concepções de integração e de inclusão de alguns agentes que participaram do evento, sejam coordenadores, professores ou estudantes, no sentido de problematizar a questão da inclusão bem como de apontar alguns caminhos. Ao longo do texto, dialoguei com autores como Glat (2004) e Sassaki (1997). Através de observações e de entrevistas, busquei captar concepções de integração e de inclusão de alguns agentes da Olimpíada. A pesquisa revelou, entre outros aspectos, um desconhecimento da teoria sobre inclusão dos alunos com necessidades educacionais especiais o qual se reflete na prática. Outra questão que foi levantada: apesar de participarem da mesma Olimpíada, os alunos com necessidades educacionais especiais e os outros alunos, não estiveram juntos nas mesmas atividades recreativas e modalidades esportivas.

Texto completo: ANAIS